O Ministério da Saúde atualizou a situação da febre amarela no Brasil e definiu uma nova estratégia para a vacinação contra a doença. A coordenadora do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde, Carla Domingues, explica qual é a diferença entre a dose fracionada e a dose padrão:

 “Dose fracionada é você transformar uma dose padrão, que hoje é composta por 0,5ml em cinco frações. Então eu transformo uma dose de 0,5ml em cinco doses de 0,1ml. O que é importante que a população saiba? Que essa dose padrão, que tem 0,5ml, como essa dose fracionada que tem 0,1ml, tem a mesma potência, a mesma eficácia e a mesma segurança. Nós temos estudos na qual demonstram que a eficácia da vacina, tanto da dose padrão quanto na dose fracionada é a mesma. Por tanto a população pode receber essas duas apresentações porque ela estará protegida contra febre amarela”.

Reportagem, Janary Damacena.