Home / Política / Deputados estaduais tomam posse na Assembleia Legislativa do Ceará

Deputados estaduais tomam posse na Assembleia Legislativa do Ceará

01/02/2019 às 18:18:46

Os 46 deputados estaduais eleitos em 2018 no Ceará assumiram mandatos nesta sexta-feira (1º). A solenidade de posse da 30ª legislatura ocorreu na Assembleia Legislativa do Estado, em Fortaleza. José Sarto foi eleito presidente da Mesa Diretora. A solenidade contou com a presença do governador do Ceará Camilo Santana.

Após juramento, os parlamentares se acomodaram em seus assentos, e elegeram a nova Mesa Diretora para o biênio 2019 – 2020. A Mesa Diretora foi eleita com 45 votos a favor e um contra. A composição da nova Mesa terá representantes do PDT, PT, MDB, SD, PSD e PP.

O plenário estava lotado de servidores, assessores e familiares que foram prestigiar a posse.

Veja a composição da Mesa Diretora:
José Sarto ( PDT – presidente)
Fernando Santana (PT – 1º vice-presidente)
Danniel Oliveira (MDB – 2º vice-presidente)
Evandro Leitão (PDT – 1º secretário)
Aderlânia Noronha (SD – 2ª secretária)
Patrícia Aguiar (PSD – 3ª secretária)
Leonardo Pinheiro (PP – 4º secretário)
Ocupam, respectivamente, as funções de suplentes da Mesa os deputados Osmar Baquit (PDT), Bruno Gonçalves (Patri) e Romeu Aldigueri (PDT).

Parceria com o Governo Federal
O governador Camilo Santana compareceu à Assembleia Legislativa do Ceará. Camilo Santana afirmou, em entrevista, que está mantendo uma parceria institucional positiva com o governo Bolsonaro. “O governo tem sido parceiro, estamos com a Força Nacional aqui, estamos com agentes penitenciários de outros estados autorizados pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), temos uma parceria institucional positiva”, disse.

O governador disse ainda sobre segurança pública, destacando que o secretário da Administração Penitenciária, Mauro Albuquerque tem carta branca e que criminoso “não terá mais regalias”.

“Estamos enfrentando essa situação. Quem manda é o Estado, criminoso será tratado como criminoso, não terá mais regalias, vamos transferir quem for necessário, estamos fazendo isso porque o reforço que essa ação terá para a sociedade será muito positiva. Vamos fazer concurso para Polícia Civil, para Pefoce e para a Polícia Militar”, revelou o governador do Ceará.

Mais votado
Já o deputado André Fernandes (PSL) disse, antes da solenidade de posse, que há envolvimento de políticos no tráfico e defendeu a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Narcotráfico. Com apenas 20 anos, ele foi o parlamentar com maior número de votos no estado e mais jovem do país nas eleições de 2018.

Segundo ele, é preciso “defender uma Polícia Militar com autonomia para trabalhar, uma Polícia Civil estruturada para investigar os crimes aqui no Brasil, defender a CPI do narcotráfico”.

“Eu tenho certeza que existem vários políticos envolvidos com tráfico, envolvidos com a bandidagem, enfim, defender que bandido sofra aqui no Ceará. Bandido vai para cadeia para não ficar de férias, é para pagar o que fez”, afirmou.

Já o Delegado Cavalcante (PSL), que já foi deputados em duas legislaturas anteriores, retornou para a Assembleia. Cavalcante elogiou o secretário da Administração Penitenciária (SAP), Mauro Albuquerque.

“O Mauro Albuquerque….. esse trabalho que ele está fazendo no Ceará era para fazer no Brasil todinho. E um dos instrumentos que nós podemos usar aqui é a CPI né? Para ajudar não só o governo do estado como o governo federal somente na legislação para que seja endurecido porque para bandido tem que ser coisa dura”, disse Cavalcante.

G1

Compartilhar

Veja Também

“Ir pra rua e quebrar tudo”, sugere Ciro Gomes

12/04/2019 às 20:51:08 O ex-ministro e candidato derrotado à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT), ...